Risco de chuva forte nesta terça em grande parte do Brasil

57

A circulação dos ventos sobre o Brasil, em vários níveis da atmosfera, está espalhando o ar úmido por quase todo o país, facilitando a formação de grande quantidade de nuvens e chuva.

Nesta terça-feira começa a se formar um forte correndo de umidade, do Norte para o Sudeste e o Nordeste do Brasil, que será o início da organização de um novo episódio da Zona de Convergência do Atlântico Sul, a ZCAS (lê-se zacas). Isto vai manter a nebulosidade e a chuva sobre grande parte do país.

Ventos marítimos, moderados levam mais umidade para o Paraná e para o Sudeste gerando mais nuvens e chuva.

Áreas de instabilidade da Zona de Convergência Intertropical aumentam a chuva no litoral da Região Norte.

Temperatura em queda

Os próximos dias serão marcados por muita nebulosidade , chuva e ventos frios sobre o Sudeste e o Sul do Brasil, que vão manter a temperatura amena, em patamares muito abaixo do que vinha sendo observado nos últimos dias.

A semana passada foi marcada por calor de quase 40°C em locais como o Rio De Janeiro  e o litoral de São Paulo. As capitais Vitória e Rio de Janeiro estiveram entre as mais quentes do país.

Mas esta semana, capitais como Curitiba, São Paulo, Rio de Janeiro, Belo Horizonte e Vitória devem registrar as menores temperaturas do ano, até agora.

Previsão do tempo para o Brasil para 23/01/2024 -terça-feira

Região Sul

O ar úmido predomina sobre o Sul do Brasil e muitas nuvens se formam sobre a maior parte da Região. Ventos marítimos levam o ar frio do mar o interior da Região. O excesso de nebulosidade e o ar frio deixam a temperatura amena.

O sol aparece forte apenas sobre o Rio Grande do Sul. Pancadas de chuva podem ocorrer a partir da tarde no norte e noroeste do estado.

O dia fica chuvoso no Vale do Itajaí, no litoral norte catarinense e no litoral do Paraná e Grande  Curitiba. Pode chover forte.

As demais áreas de Santa Catarina e no Paraná têm pancadas de chuva frequentes e períodos com sol. Há risco de fortes rajadas de vento

Região Sudeste

Uma grande quantidade de umidade chega ao Sudeste vinda ao mesmo tempo do Norte do Brasil e do oceano. O excesso de umidade e a tendência de pressão do ar baixa no interior geram muitas nuvens de chuva por todo o Sudeste.

O dia fica chuvoso no leste de São Paulo (inclui Campos do Jordão, litoral e Grande SP), no Sul Fluminense (região de Resende e de Angra dos Reis)

A região entre Campos dos Goytacazes (RJ) e Vitória (ES) têm sol pela manhã e pancadas de chuva chuva só a partir da tarde.

No restante do Sudeste, o tempo fica muito instável, com muitas nuvens e pancadas de chuva a qualquer hora, podendo chover forte várias vezes no decorrer do dia. Pode chover forte no Grande Rio, na Grande Belo Horizonte e n Grande São Paulo.

Região Centro-Oeste

O ar úmido já predomina sobre o Centro-Oeste e grande quantidade de nuvens carregadas se forma por toda a Região.

Praticamente todo o Centro-Oeste tem um dia com muitas nuvens, pancadas de chuva a qualquer hora, mas o sol pode aparece em alguns momentos, sempre em meio a muitas nuvens.

Na fronteira de Mato Grosso do Sul  com a Bolívia e no norte/noroeste de Mato Grosso, as pancadas de chuva devem ocorrer principalmente à tarde e à noite.

Região Nordeste

O ar úmido está sobre o Nordeste e a presença de uma frente fria no litoral da Bahia geram nuvens carregadas sobre a Região. A Zona de Convergência Intertropical leva mais nuvens para a costa norte do Nordeste.

O dia é com sol forte e chuva isolada, passageira, no litoral do Ceará, no Rio Grande do Norte, no litoral e agreste da Paraíba e de Pernambuco. 

No sul do Maranhão, centro-sul do Piauí, no sertão de Pernambuco e de Alagoas, em Sergipe e na Bahia, o dia é com muitas nuvens e pancadas de chuva com raios a qualquer hora. Pode chover forte.

O restante da Região tem períodos com sol forte e pancadas de chuva com raios, principalmente à tarde e à noite

Região Norte

Nuvens carregadas crescem sobre quase toda a Região Norte por causa do ar quente e úmido que predomina sobre a Região e da proximidade a instabilidade da Zona de Convergência Intertropical.

Roraima e a região de fronteira da Venezuela com o Amazonas têm sol forte e tempo seco, sem chuva.

No Tocantins e Amapá, têm períodos de sol, pancadas de chuva frequentes, a qualquer hora e que podem ser fortes. 

Nas demais áreas da Região Norte, o sol aparece forte por várias horas e as pancadas de chuva com raios ocorrem principalmente à tarde e à noite. Há risco de chuva forte.

Alertas meteorológicos para 23/01/2024 -terça-feira

Atenção para chuva moderada a forte nas capitais Curitiba, São Paulo, Rio de Janeiro, Belo Horizonte, Vitória, Campo Grande, Goiânia, Cuiabá, Brasília,  Salvador, Aracaju, Teresina, São Luís, Porto Velho, Rio Branco, Manaus, Belém, Macapá

Aviso especial: perigo de temporais e chuva volumosa, com raios e rajadas de vento acima de 91 km/h no extremo sul da Bahia

Alerta para temporais com raios e rajadas de vento entre 71 km/h e 90 km/h no litoral do Paraná, litoral e centro-norte de São Paulo, Vale do Paraíba (SP), Grande Rio, Serra e Sul do Rio de Janeiro, Minas Gerais (exceto Grande BH e leste do estado),Goiás, Distrito Federal, Mato Grosso (exceto norte do estado), sul e leste do Tocantins, sul do Maranhão, centro-sul do Piauí,, sertão do Pernambuco, Bahia,  centro, norte e leste do Amapá.

Atenção para chuva moderada a forte com raios e rajadas de vento de 51km/h a 70 km/h no centro, oeste e norte de Santa Catarina (inclui Vale do Itajaí), interior do Paraná e Grande Curitiba, centro, oeste, leste e sul de São Paulo, centro-norte do Rio de Janeiro, Grande BH, centro-leste de Minas Gerais, sul e norte do Espírito Santo, Mato Grosso do Sul (exceto sudoeste do estado), norte de Mato Grosso, Sergipe, interior de Alagoas, sertão da Paraíba, centro-sul do Ceará, centro-norte do Piauí, Maranhão, Pará, sul e oeste do Amapá, Amazonas (exceto áreas próximas de Roraima e da Venezuela, Acre e Rondônia

Atenção para chuva moderada no sul e litoral sul de Santa Catarine e Grande Florianópolis