CPI marca novo depoimento do ministro Marcelo Queiroga para a próxima terça (8)

Chefe do Ministério da Saúde não era esperado para voltar a depor ainda no mês de junho

109

A comissão parlamentar de inquérito (CPI) da Pandemia, aberta no Senado Federal, marcou para a próxima terça-feira (8) o novo depoimento do ministro da Saúde, Marcelo Queiroga. A informação é da analista de política da CNN Thais Arbex.

Os senadores do grupo chamado de G7 decidiram antecipar a nova fala de Queiroga após o comparecimento do presidente Jair Bolsonaro (sem partido), sem máscara, a manifestações. O ministro também deverá falar sobre a decisão do Brasil de receber a edição de 2021 da Copa América, que começa no próximo dia 13.

O depoimento previsto para esta quarta-feira (2), da infectologista Luana Araújo, também tende a levantar questões a serem respondidas por Queiroga. Nomeada pelo ministro para ser secretária de Enfrentamento à Covid-19 do Ministério da Saúde, Araújo deixou o posto após apenas 10 dias.

A ideia dos senadores é ouvir Luana para saber a razão pela qual ela não foi nomeada. A oitiva dela antes da de Queiroga é uma estratégia para coletar novas informações e poder ter novos elementos para confrontar o atual ministro.

Markinhos Show, Witzel e Wizard

Na próxima semana, além do ministro Marcelo Queiroga, a CPI pretende ouvir mais duas pessoas-chave da gestão do ex-ministro Eduardo Pazuello, o que mais comandou o Ministério da Saúde durante a pandemia.

Na quarta-feira (9), os senadores vão ouvir Élcio Franco, ex-secretário-executivo da pasta. Na quinta-feira (10), é a vez do publicitário Marcos Arnaud Marques, o Markinhos Show, conselheiro de comunicação do general.

O cronograma já definido prevê as oitivas do ex-governador do Rio de Janeiro Wilson Witzel (PSC) e do empresário Carlos Wizard Martins, considerado por oposicionistas integrante do que seria um “gabinete paralelo” de orientação ao presidente durante a pandemia.

O cronograma

Quinta semana

2 de junho – Luana Araújo, infectologista e ex-secretária de Enfrentamento à Covid-19 do Ministério da Saúde

Sexta semana

8 de junho – Marcelo Queiroga, ministro da Saúde

9 de junho – Élcio Franco, ex-secretário-executivo do Ministério da Saúde

10 de junho – Marcos Arnoud Marques (Markinhos Show), assessor especial do Ministério da Saúde

11 de junho – Especialistas convidados: Cláudio Maierovitch, médico sanitarista e ex-presidente da Anvisa e da Fiocruz; Nathalia Pasternak, microbiologista e pesquisadora da USP; Jurema Werneck, representante do movimento Alerta; e Daise Ventura

Sétima semana

15 de junho – Marcellus Campêlo, secretário de Saúde do Amazonas

16 de junho – Wilson Witzel, ex-governador do Rio de Janeiro

17 de junho – Carlos Wizard, empresário

18 de junho – Paulo Baraúna, representante da White Martins