140 milhões de vacinas até maio: promessa de Arthur Lira não foi cumprida

Presidente da Câmara disse em março que governo federal entregaria esse montante de doses entre março, abril e maio; total entregue é cerca de 50 milhões a menos

92

Internautas resgataram nesta segunda-feira (31), ultimo dia do mês de maio, um tuíte feito pelo presidente da Câmara Arthur Lira (PP-AL) em março onde ele prometia que o governo federal entregaria até este mês 140 milhões de doses de vacinas contra a Covid-19.

Contudo, a promessa não foi cumprida. Segundo dados do Ministério da Saúde, o número de doses de imunizantes destinados ao Plano Nacional de Imunização é de cerca de 90 milhões , sendo cerca de 50 milhões a menos do que o prometido.

Confira o tuíte de Lira:

Até domingo (30), 45 milhões de pessoas receberam ao menos uma dose da vacina contra a Covid-19no Brasil.

Segundo depoimento do diretor do Instituto Butantan Dimas Covas durante sua oitiva na CPI da Covid na última semana, 60 milhões de doses da CoronaVac poderiam ter sido entregues no ano passado caso o governo federal fechasse acordo nas primeiras tratativas.

Em agosto de 2020, o governo Bolsonaro recusou oferta da Pfizer relacionada a compra de 70 milhões de doses de vacinas. O acordo só foi fechado em março deste ano.