Tempestade solar causa “show” de auroras nos céus de diversos países; veja fotos

Durante a mais severa tempestade solar dos últimos 20 anos, os céus de diversos países foram palco para um inusitado show de auroras

81

A Terra está enfrentando a mais severa tempestade solar dos últimos 20 anos desde sexta-feira (10), provocando auroras boreais e austrais incomuns desde então. A Administração Nacional Oceânica e Atmosférica dos Estados Unidos (NOAA) alertou que a tempestade pode interferir em sistemas de energia e comunicações via satélite.

Este é o primeiro alerta de tempestade geomagnética “severa” ou G4 emitido pela NOAA desde janeiro de 2005. A escala vai até G5, que é considerado “extremo”.

O que está causando a tempestade solar?

A tempestade é causada por ejeções de massa coronal, que são erupções de plasma e campos magnéticos da coroa solar, a camada mais externa do Sol. Isso resulta em auroras boreais, um fenômeno óptico que colore o horizonte de maneira incomum.

A tempestade, que deve durar o fim de semana todo, acontece quando o Sol está se aproximando do pico de um ciclo de 11 anos de atividade intensa. Shawn Dahl, especialista em meteorologia espacial, disse em uma coletiva de imprensa que todos os operadores de infraestrutura foram alertados.

No entanto, a Administração Federal de Aviação (FAA) dos Estados Unidos afirmou que não espera nenhum impacto significativo no sistema de espaço aéreo do país.

Este é o primeiro alerta de tempestade geomagnética “severa” em 19 anos emitido pela agência dos EUA. As luzes da aurora boreal foram vistas sobre Brocken, perto de Schierke, na Alemanha.

A tempestade solar e as auroras boreais são fenômenos naturais fascinantes, mas também podem trazer desafios para a infraestrutura moderna.

Tempestade solar causa auroras nos céus de diversos países; veja fotos

Após o início da tempestade solar, auroras incomuns e em lugares inusitados foram vistas ao redor do mundo. Confira alguns registros em fotos e vídeos: