Eclipse solar total: data, hora e locais para ver

O próximo eclipse solar total está chegando, saiba mais informações sobre o fenômeno que promete ser o mais visto dos últimos tempos

220

Já estamos em compasso de espera para presenciar um eclipse solar total, fenômeno astronômico mais difícil de ser visto. Isso porque os eclipses solares acontecem duas vezes por ano, com um intervalo de cerca de seis meses entre eles. No entanto, um eclipse total do Sol demora cerca de 400 anos para se repetir num mesmo lugar do planeta Terra.

Além disso, um eclipse solar total dura apenas alguns minutos, dado que a umbra da Lua move-se para leste a mais de 1 700 km/h. A escuridão total não dura mais que 7 minutos e 40 segundos.

Um eclipse solar total ocorre quando a Lua bloqueia completamente a luz do Sol. Durante o fenômeno, apenas a coroa do Sol é visível a partir da superfície terrestre. Ele ocorre quando a Lua está próxima da Terra e deixa o Sol completamente coberto ao passar na frente dele. O último eclipse total do Sol no Brasil ocorreu em 3 de novembro de 1994.

Quando ocorre eclipse solar total?

O próximo eclipse solar total será em 8 de abril de 2024, mas só será visível na América do Norte. Infelizmente não será visível no Brasil. O fenômeno começará no Oceano Pacífico Sul e atravessará a América do Norte, passando pelo México, Estados Unidos e Canadá.

Será visível em toda a América do Norte e durará cerca de quatro minutos (é um eclipse total relativamente longo, com duração total de 4,47 minutos). O evento está sendo chamado de “Grande Eclipse da América do Norte” por alguns meios de comunicação.

Segundo a Nasa, este evento será diferente dos últimos eclipses solares totais. Os cientistas afirmam que a coroa solar (sua camada mais externa) será mais visível do que no último eclipse solar total, ocorrido em 2017 por lá. Isso se deve à maior atividade solar verificada atualmente. E o eclipse de 2024 também será visível por cerca de dois minutos a mais que o de 2017.

O eclipse solar total de 21 de agosto de 2017 foi visível no Oceano Pacífico Norte, na América do Norte e no Oceano Atlântico (próximo do Mar das Caraíbas). Este eclipse foi o mais observado de toda a história, cruzando todo o território dos EUA. Mas o próximo de 8 de abril promete atrair ainda mais pessoas.

Eclipse solar total de 2017

Polly White, fundadora do site educacional Great American Eclipse, explica que, desde o eclipse de 2017 e o eclipse solar anular de 14 de outubro de 2023, mais pessoas tomaram conhecimento do evento de abril deste ano. E ainda destaca outras razões que farão com que este eclipse seja especial.

Conhecida como ‘caçadora de eclipses’, Polly diz que espera ver uma coroa solar grande, dinâmica, com jatos de energia (ejeções da massa coronal), proeminências solares e uma cromosfera ativa e brilhante.

Para abrilhantar ainda mais o evento, existe uma pequena possibilidade de que um cometa fique visível com binóculos durante a totalidade. Ele pode ficar longe do sol durante o eclipse, mas pode ser visível.

Depois do eclipse solar total de abril de 2024, os observadores só poderão ver outro em 2044, o que faz com que este seja ainda mais atraente. Além de tudo isso, o trajeto da totalidade também é maior, o que faz com que o eclipse fique visível para mais pessoas do que o eclipse solar total mais recente.

Cerca de 31,6 milhões de pessoas moram nos 322 km do trajeto da totalidade, o que é mais que o dobro do número de pessoas que puderam ver o último evento similar. E mesmo pessoas que moram em outros lugares poderão ver o eclipse de alguma forma. O eclipse de 8 de abril de 2024 será o primeiro eclipse solar total visível no Canadá desde 26 de fevereiro de 1979.

Eclipse Solar Total (Crédito: Allexxandar/ shutterstock)

O eclipse solar total terá início às 15h20. O momento de ocultação máxima será às 23h44 (horário de Brasília). O eclipse será visível a partir das 16h (horário de Brasília) na costa do México e terminará às 17h (horário de Brasília) na costa Atlântica do Canadá. Todos nos Estados Unidos verão pelo menos um eclipse parcial, mas aqueles em uma faixa que se estende do Texas ao Maine verão um eclipse total.

Eclipse solar total: onde será visto?

Cidades onde o eclipse solar total é visível:

  • Estados Unidos: Texas, Oklahoma, Arkansas, Missouri, Illinois, Kentucky, Indiana, Ohio, Michigan, Pensilvânia, Nova Iorque, norte de Vermont, Nova Hampshire e Maine.
  • México: Vitória de Durango e Torreón.
  • Canadá: Montreal, Hamilton e Ontário

Não será visível por aqui, mas o próximo eclipse solar visível do Brasil acontecerá em 2 de outubro de 2024. Será um eclipse parcial, visível apenas no centro-sul do país.O eclipse começará no Brasil por volta das 15h e durará até o pôr do sol.

O próximo eclipse solar anular será em 2 de outubro de 2024, mas só será visível no extremo sul da América do Sul e em parte do oceano Pacífico. Outro eclipse solar vai acontecer em 6 de fevereiro de 2027 e será visível de forma parcial em quase todo o Brasil, com exceção da região Norte.