Governo Federal lança iniciativa para retomar obras paralisadas do Minha Casa, Minha Vida

Em parceria com CAIXA, Banco do Brasil e prefeituras, objetivo do #BotaPraAndar é encontrar pendências e diagnosticar soluções para viabilizar obras em todo o país

101

Foi lançado nesta segunda-feira, 11 de março, em Belém (PA), o #BotaPraAndar, iniciativa do Ministério das Cidades com o objetivo de diagnosticar soluções que destravem obras do Minha Casa, Minha Vida com pendências técnicas ou paralisadas em todo Brasil.

O Pará foi escolhido para o lançamento por ser o estado com o maior número de empreendimentos com esse perfil. O levantamento do Ministério das Cidades aponta que 14.644 unidades habitacionais seguem com obras inacabadas no estado em função de entraves.

O #BotaPraAndar é realizado em parceria entre a pasta das Cidades, a Caixa Econômica Federal, o Banco do Brasil e prefeituras. Até 15 de março, haverá 11 reuniões presenciais em 11 municípios paraenses onde estarão presentes as áreas técnicas do ministério, dos bancos e as prefeituras para revisar diagnósticos, levantar pendências e, de forma conjunta, definir prazos para a resolução.

“Estamos aqui para discutir com parceiros sobre as obras que ainda não foram retomadas e que estão há anos paralisadas. Para essas, queremos encontrar uma maneira de solucionar totalmente. Por isso, reunimos todo mundo para que façam parte conosco desta força-tarefa e em breve possamos retomar mais obras”, pontuou o ministro Jader Filho (Cidades).

BALANÇO – O ministro aproveitou a oportunidade para fazer um balanço de obras retomadas e novas contratações do Minha Casa Minha Vida no Pará. Em 2023, 1.931 unidades habitacionais tiveram as obras retomadas no estado nos municípios de Belém, Barcarena, Acará, Abaetetuba e Concórdia do Pará.

Quanto às novas contratações, 85 propostas foram selecionadas em novembro de 2023, o que representa a construção de 13.608 novas moradias do Minha Casa Minha Vida no Pará. “Temos o compromisso estipulado pelo presidente de que, até 2026, 2 milhões de unidades habitacionais sejam contratadas. Temos o prazer de anunciar que esse número será ultrapassado, pois o Minha Casa Minha Vida tem o compromisso de levar moradia digna às pessoas, seja por meio da retomada de unidades paralisadas ou pelas novas contratações”, disse Jader Filho.