Artesãos representam Rondônia na 34ª Feira Nacional de Artesanato e Cultura

76

Artesãos de Rondônia representaram o Estado em Belo Horizonte, na 34ª Feira Nacional de Artesanato e Cultura, que se tornou o epicentro da arte e cultura nacional. O evento, que se destacou como uma das maiores feiras de artesanato da América Latina, apresentou o talento e a autenticidade dos artesãos de Rondônia.

A programação da feira atraiu visitantes, com oficinas, exposições, rodas de conversa e shows. Ao longo dos cinco dias do evento, que ocorreu de 6 a 10 de dezembro.

O objetivo da exposição foi promover o artesanato local de Rondônia, um estado cujas tradições e técnicas ancestrais foram representadas através das mãos habilidosas de seus artesãos. O evento teve a participação de mais de 1000 artesãos de diferentes partes do Brasil. Desse contingente, Rondônia teve a sua essência expressa, por meio do trabalho minucioso de seis artesãos, selecionados através de um edital realizado pelo Serviço Brasileiro de Apoio às Micros e Pequenas Empresas (Sebrae), em parceria com a  Secretaria Estadual da Juventude, Cultura, Esporte e Lazer (Sejucel).

Uma das artesãs de Porto Velho, Hadassa Oliveira destacou que, a cultura de Rondônia tem sido fortalecida, “Temos artesãos que têm trabalhado nos bastidores, dedicando-se ao máximo. Participar dessa Feira foi um momento especial para nós,” comemorou.

Segundo o Secretário da Sejucel, Junior Lopes, o evento foi uma oportunidade de valorizar não apenas o talento, mas também a tradição e a cultura que estão entrelaçadas no artesanato do Estado. “O trabalho dos artesãos foi reconhecido e apreciado por um público nacional e internacional,” destacou.

A Feira, além de ter sido um espaço de negócios, foi uma vitrine para o talento dos artesãos de Rondônia, que tiveram a oportunidade de mostrar ao Brasil a essência de sua arte.