Como fazer o abacate durar por mais tempo? E como acelerar a maturação da fruta?

O abacate demora para amadurecer, mas, quando chega ao ponto, pode estragar rapidamente. Banana e geladeira são aliadas para controlar a maturação da fruta.

148

Quem nunca comprou um abacate verde e, quando percebeu, ele tinha estragado? Isso geralmente acontece com as variedades tropicais, mais populares no Brasil. Como a cor delas não muda quando estão maduras, fica mais difícil saber se as frutas estão no tempo certo só pela aparência.

No caso do avocado, uma variedade menor, costuma acontecer o contrário. Ele fica mais escuro quando está maduro, mas esse processo pode demorar mais do que o esperado. Assista ao vídeo acima para saber como fazer o abacate durar mais ou ficar no ponto mais rapidamente.

Confira dicas para controlar a maturação do abacate:

  • Para evitar que o abacate apodreça muito rapidamente, deixe-o na geladeira quando ele estiver maduro – se a fruta já estiver cortada, é preciso cobri-la com papel filme;
  • Também é possível congelar apenas a polpa, armazenando-a em um pote ou um saco plástico que garantam a vedação – pingue algumas gotas de limão para evitar a oxidação, que deixa a fruta escura;
  • Para acelerar a maturação do abacate, coloque-o próximo de bananas, uma das frutas que mais produzem etileno, gás que ajuda nesse processo;
  • Outra forma de acelerar o processo e deixar a fruta no ponto é armazená-la em um local fechado, como um pote de plástico, para aproveitar mais do etileno produzido por ela.

Cuidados na produção

As recomendações são de especialistas em abacate ouvidos pelo g1. Um deles é o pesquisador em fruticultura da Embrapa Tadeu Graciolli Guimarães, que destaca ainda a importância de o produtor seguir as melhores práticas desde a plantação até a colheita da fruta.

O abacate é um fruto muito peculiar. Ele não amadurece na planta, ele amadurece na residência ou no meio ambiente. Ele cai ao solo quando está próximo do início do processo de maturação”, diz Guimarães.

O especialista explica que as etapas podem ser atropeladas se o preço do abacate aumenta, o que leva alguns produtores a colherem a fruta quando ela está muito verde. Isso faz com que ela não amadureça corretamente.

“A fruta vai desidratar porque não está completa. Parte do carboidrato vira açúcar, o que contribui um pouco com a mudança no sabor. Ela não acumula óleo direito”, afirma. “Isso tudo vai gerar uma frustração no consumidor, que decide não realizar uma nova compra por julgar que o fruto não possui qualidade suficiente para que sua expectativa de consumo seja satisfatória”.

Para entender como o abacate é produzido, o g1 foi até uma fazenda em Bernardino de Campos (SP). Confira no vídeo abaixo o caminho que a fruta percorre até ser consumida.