Ji-Paraná: Cras Jardim dos Migrante encerra Oficina de Chinelos

Capacitação ocorreu com mulheres assistidas pelo Paif

161

Cerca de dez mulheres, assistidas pelo Serviço de Proteção e Atendimento Integral à Família (Paif), participaram do encerramento da Oficina de Chinelos, ofertado pelo Centro de Referência de Assistência Social (Cras) Jardim dos Migrantes. As atividades, que iniciaram no mês passado, fazem parte das ações de capacitação promovidas pela Prefeitura de Ji-Paraná, por intermédio da Secretaria Municipal de Assistência Social e Família (Semasf).

O curso, voltado para customização de sandálias, visa oportunizar essas mulheres, que estão em condição de vulnerabilidade social, a ter uma opção de empreendimento e conquistarem a independência financeira.

Nas unidades dos Cras, vários projetos e programas são desenvolvidos para treinamento e desenvolvimento dos indivíduos, por meio do Serviço de Convivência e Fortalecimento de Vínculo (SCFV).

Segundo a coordenadora do Cras JM, Lidiane Tanazildo, a Oficina de Chinelos será ofertada novamente, agora em parceria com a Igreja Missionária Unida, no bairro Novo Ji-Paraná (1º distrito). Ela reforçou que a voluntária também vai ministrar um curso de cestaria com material reciclado.

O Paif promove ações que fortalecem vínculos familiares dos indivíduos, que se encontram em condições de vulnerabilidade social e econômica. A equipe do Cras realiza visitas domiciliares, para avaliar as necessidades e inseri-las nas oficinas e atividades que ocorrem na unidade de atendimento.