Ji-Paraná: Primeiro mutirão odontológico pré-natal do ano acontece no dia 27

Atendimentos serão realizados nas UBSs São Bernardo e Km 5 e no CEO

43

O primeiro Mutirão de Atendimento Odontológico Pré-Natal de 2023 será realizado no dia 27 de janeiro, com atendimentos às grávidas em qualquer período gestacional. A ação é promovida pela Prefeitura de Ji-Paraná, por meio do Departamento de Atenção Básica da Secretaria Municipal de Saúde (Semusa). Ela acontece simultaneamente no Centro de Especialidades Odontológicas (CEO) e nas unidades básicas de saúde (UBSs) São Bernardo e Km 5, das 7h30 às 13h.

O coordenador de Saúde Bucal do DAB, Willian Pereira Dantas, lembrou que, em 2021, foram realizadas duas edições do mutirão. No ano passado, as ações subiram para sete, atendendo a mais de 350 gestantes. A expectativa, em 2023, é realizar um mutirão por mês e alcançar mais de 600 mulheres.

“Promovemos sete edições no ano passado, ampliamos os atendimentos para mais de 350 mulheres. Em 2022, conseguimos aumentar as ações de prevenção e de promoção à saúde bucal. Agora, em 2023, vamos procurar ter um alcance ainda maior e atender até 600 gestantes”, garantiu Dantas.

No mutirão, são abordados temas como o diagnóstico de gengivite e doença periodontal e necessidade de tratamento, orientações sobre higiene bucal da gestante e do bebê, tratamentos durante a gestação, hábitos alimentares, entre outros assuntos relacionados à saúde odontológica durante a gravidez.

A mobilização é destinada às mulheres grávidas, em qualquer período de gestação, mesmo que elas não realizem o pré-natal pelo SUS. O mutirão é realizado regularmente para garantir atendimento às gestantes.

“O objetivo da ação é reduzir os índices de morbidade e mortalidade materno-infantil, pelo pré-natal odontológico. Isso dá visibilidade à população sobre a importância do atendimento bucal no período gestacional”, explicou o coordenador.

O Ministério da Saúde recomenda que todas as gestantes devem realizar, ao menos uma vez, a consulta odontológica durante o pré-natal. Neste momento, é de extrema importância fazer atividades de educação, promoção da saúde e também de prevenção de agravos, relacionados à própria saúde e à do bebê.