Porto Velho disponibiliza vacina contra a covid-19 em 20 pontos da capital

Unidades de Saúde e Porto Velho Shopping oferecem os imunizantes em horários diferenciados

48

Com o aumento de 87% de casos confirmados de covid-19, entre os meses de maio e junho em Porto Velho, a Prefeitura alerta sobre a importância das doses de reforços contra a doença. A vacinação segue disponível em 19 unidades de saúde, além do Porto Velho Shopping, em horários diferenciados.

A terceira dose está acessível para pessoas a partir de 12 anos, com um intervalo de quatro meses após ter recebido a segunda dose. Já a quarta dose é disponibilizada para o público acima de 40 anos, além de trabalhadores da saúde e imunossuprimidos a partir de 12 anos. O intervalo também é de quatro meses após o primeiro reforço.

“Com relação à cobertura vacinal, a primeira e segunda dose apresentam boa adesão. Mas não vemos o mesmo acontecer com relação às doses de reforço. O intervalo entre a aplicação das vacinas deve ser entendido por um período em que há uma redução na imunidade. É importante que a população não as negligenciem”, reforça Elizeth Gomes, coordenadora da Divisão de Imunização da Secretaria Municipal de Saúde (Semusa).

NÚMEROS

De acordo com dados levantados pelo Departamento de Vigilância em Saúde (DVS) da Semusa, de 1 a 28 de maio de 2022, foram registrados 199 casos de covid-19 em Porto Velho. Já de 29 de maio a 25 de junho de 2022 foram 571 casos, sendo um aumento de 86,9% no número de casos positivos na capital.

“O uso de máscara, evitar aglomerações e o uso de álcool em gel são as principais medidas sanitárias de controle de transmissão do vírus e, infelizmente, observamos um relaxamento por parte da população atualmente. Precisamos retomar esses cuidados para evitar uma possível nova onda de covid-19 no município”, alerta Geisa Ribeiro, diretora do DVS.

Além das práticas de medidas sanitárias, a vacina é o principal método para evitar agravos por conta da doença.

PONTOS DE VACINAÇÃO

Confira aqui a lista com os locais que oferecem os imunizantes em Porto Velho.