Cadastro da Carteira do Autista atenderá nova associação em Porto Velho

Documento permite atendimento prioritário nos serviços públicos e privados

90

Dando seguimento ao cadastro e emissão da Carteira Municipal de Identificação do Autista (CMIA), a Prefeitura de Porto Velho atende, no dia 5 de maio, a Associação de Pais e Amigos do Autista de Rondônia (AMA-RO). O atendimento será na sede da associação, localizada na rua Clea Merces, 4557, bairro Agenor de Carvalho, a partir das 9h.

O trabalho é executado pelo Departamento de Proteção Social Básica (DPSB), da Secretaria Municipal de Assistência Social e da Família (Semasf). A primeira ação atendeu ao grupo Mães Atípicas Marias, no dia 20 de abril.

Mesmo com o atendimento presencial a entidades e instituições, o cadastramento continua ocorrendo em todos os Centros de Referência em Assistência Social (Cras) e no Centro de Referência Especial em Assistência Social (Creas) de Porto Velho.

Ação já atendeu a grupo de apoio a mães autistas

A Carteira Municipal de Identificação do Autista permite ao portador o atendimento prioritário nos serviços públicos e privados, em especial nas áreas da saúde, pronto atendimento, educação e assistência social.

A Semasf orienta sobre os documentos para o cadastro: documento de identidade com foto e comprovante de residência. Do autista (filha ou filho, etc): documento de identificação ( RG, certidão de nascimento, qualquer um); laudo médico; uma foto (pode ser tirada pelo celular, até mesmo na hora do cadastramento) e número do SUS. Informações complementares: tipo sanguíneo e um e-mail de referência.

“É um trabalho de inclusão social, gratuito e de prioridade da Prefeitura. O Cadastramento faz parte de uma das missões de inclusão social e garantia de direitos pela atual gestão. Um compromisso assumido, inclusive junto ao “Selo Unicef”, lembrou o secretário da Semasf, Claudi Rocha.