Zelensky exige liberdade imediata de prefeito sequestrado em Melitopol

Segundo o parlamento e o presidente ucranianos, o prefeito de Melitopol foi sequestrado ontem (11/03) por soldados russos que ocupam a cidade ucraniana

145

Volodymyr Zelensky, presidente da Ucrânia, exigiu que a Rússia liberte o prefeito de Meliotopol, Ivan Fedorov, que teria sido sequestrado por soldados russos. O anúncio foi feito por um vídeo gravado neste sábado (12/03) em Kiev.

Segundo o parlamento e o presidente ucranianos, o prefeito de Melitopol foi sequestrado ontem (11/03) por soldados russos que ocupam a cidade, localizada no sul da Ucrânia.

“Um grupo de 10 ocupantes sequestrou o prefeito de Melitopol, Ivan Fedorov”, informou o parlamento em sua conta no Twitter. “Ele se recusava a cooperar com o inimigo.”

Segundo a fonte, ele foi detido quando se encontrava no centro de crises da cidade, para tratar de questões de abastecimento. “Hoje, em Melitopol, os invasores capturaram o prefeito da cidade, Ivan Fedorov. Um prefeito que defende com valentia a Ucrânia e os membros de sua comunidade”, destacou o presidente, Volodymyr Zelensky.

“Trata-se, com toda a evidência, de um sinal da fraqueza dos invasores. Passaram a um novo estágio de terror, no qual tentam eliminar fisicamente os representantes das autoridades locais ucranianas legítimas”, ressaltou Zelensky.

O vice-chefe da administração presidencial ucraniana, Kirill Tymoshenko, publicou anteriormente no aplicativo Telegram um vídeo que mostra à distância soldados saindo de um prédio levando um homem vestido de preto, com a cabeça aparentemente coberta com uma bolsa preta.

Segundo o parlamento, outra representante da região, a vice-chefe do conselho regional de Zaporizhia, Leyla Ibragimova, foi capturada e libertada dias atrás.