Após chuvas, governo federal reconhece situação de emergência de 48 cidades

Tempestades causaram destruição e deixaram famílias desabrigadas em municípios de Minas Gerais e da Bahia

87

Nesta sexta-feira (10), o governo federal reconheceu estado de emergência em 31 cidades de Minas Gerais e 17 municípios da Bahia depois que fortes chuvas atingiram os estados.

A informação foi divulgada pelo Ministro do Desenvolvimento Regional Rogério Marinho através do Twitter.

Há três dias, tempestades provocadas por um ciclone castigam a região sul da Bahia. Na quinta-feira (9), o governador Rui Costa assinou um decreto de situação de emergência para os municípios mais atingidos. Neste sábado (11), outras três cidades foram incluídas, totalizando 25 em emergência.

A medida vale para as seguintes cidades: Anagé, Baixa Grande, Boa Vista do Tupim, Camacã, Canavieiras, Encruzilhada, Eunápolis, Guaratinga, Ibicuí, Itabela, Itacaré, Itamaraju, Itambé, Itapetinga, Itarantim, Jiquiriçá, Jucuruçu, Marcionílio de Souza, Mascote, Medeiros Neto, Mundo Novo, Santanópolis, Teixeira de Freitas, Vereda, Eunápolis, Encruzilhada e Ibicuí.

Uma força-tarefa formada por 120 militares do grupamento aéreo e bombeiros entrega mantimentos, medicamentos e produtos de higiene pessoal para as pessoas destes municípios.

Devido às enchentes, algumas regiões tiveram o fornecimento de água, rede de telefonia e elétrica afetados; algumas cidades ficaram ilhadas.

A Secretaria de Infraestrutura da Bahia afirmou que já está atuando no serviço de manutenção e recuperação das vias estaduais e pontes afetadas.

O governador Rui Costa se reuniu nesta sexta (10) com representantes das cidades atingidas para entender a situação dos locais. Ele visitaria algumas dessas regiões também na sexta, mas, devido ao mau tempo, isso não foi possível. A expectativa é que ele faça essa visita no domingo (12).

Costa também pediu à população para que se mantenha alerta e em locais seguros.

Há previsão de chuva forte para hoje (11) e amanhã no extremo sul do estado, diminuindo apenas na segunda-feira (13). Em Salvador, há previsão de chuva rápida e tempo nublado.

Em Minas Gerais, o governador Romeu Zema decretou situação de emergência para 31 cidades afetadas pelas chuvas dos últimos dias nos vales do Jequitinhonha e do Mucuri. De acordo com o Diário Oficial de Minas Gerais as tempestades geraram inundações, enxurradas e alagamentos.

Ainda de acordo com o governo, houve mortes relacionadas às chuvas. Famílias ficaram desalojadas e desabrigadas, e comunidades ficaram ilhadas.

Na manhã desta sexta-feira (10), Zema se dirigiu à região dos vales, onde acompanhará as ações da Defesa Civil estadual, que monitora a situação de municípios como Águas Formosas e Machacalis, fortemente afetados pelas chuvas.

Em postagem nas redes sociais, Zema destacou as ações nos locais atingidos.