Governador Marcos Rocha RESPONDE Supostas FAKE NEWS

Rocha RESPONDE Supostas FAKE NEWS, como são conhecidas no mundo as notícias falsas cuja repercussão tem o POTENCIAL de INFLUENCIAR ELEIÇÕES ou DESTRUIR REPUTAÇÕES.

724

🇧🇷IMPORTANTE! ASSISTAM TODO VÍDEO, COMPARTILHEM – Sobre o corte de gastos 🇧🇷

— Boa noite, Rondônia. Tenho uma característica pessoal que sempre optei por aqui e zelo por mantê-la desde a campanha: concluir a ação e informar o que é absolutamente necessário para que ela se concretize. Sem palanque, sem falar por falar. Estou em uma missão e vou cumpri-la. 🇧🇷

— Nos próximos meses realizaremos uma reforma administrativa com corte de gastos, redução de cargos comissionados (além do que já foi feito) e fusão de secretarias. Essa opção foi colocada para fazermos uma reforma que não prejudique a eficiência do Estado e assim se estabeleça uma nova, valorizando a meritocracia, a competência técnica. Estou trabalhando para concluir minhas promessas uma por uma. Como prova, em menos de dois meses de gestão, iniciou-se o projeto da regularização fundiária, um dos maiores desafios do Estado há anos. Compromisso meu e do presidente Jair Bolsonaro com a população Rondoniense.

— Sobre os cargos comissionados que serão criados na CAERD: Os dirigentes atuais da companhia apoiaram e cancelaram quase duzentas nomeações nos últimos meses. A redução gerou uma economia de mais de 1 milhão em um curto período. O pedido da contratação de seis cargos (apenas) foi por necessidade técnica e para a empresa trabalhar com regularidade mantendo a saúde financeira.

— Vou trabalhar para nossa gente de forma séria e honesta, cumprindo o que fora prometido. Sei que, por isso, alguns me atacarão com mentiras, optando pelo caminho da desinformação, a fim de conseguirem algo. Como tenho dito, não terão. Podem bater à vontade. Estou em paz.

Grande abraço a todos! Fiquem com Deus. 🇧🇷🇧🇷

#SELVA #CORTEDEGASTOS #AVANTERONDONIA

EDIT: O Governo anterior exonerou todos os cargos comissionados no final de Dezembro 2018 por questões técnicas.