Homem tem falência múltipla de órgãos após ser picado por abelhas

Médicos explicam que, para pacientes alérgicos, uma picada de abelha pode ser suficiente para desencadear choque anafilático

75

Um homem de 50 anos quase morreu após ser picado por abelhas na Somália. O paciente procurou o hospital seis dias após ser atacado e foi diagnosticado com falência múltipla de órgãos. Depois de passar dias internado, ele recebeu alta. O caso foi publicado na revista científica International Medical Case Reports Journal.

De acordo com os médicos responsáveis pelo atendimento, cada picada de abelha tem entre 50 e 140 µg de veneno, o que é suficiente para causar danos aos órgãos. Porém, algumas pessoas podem sofrer choque anafilático com apenas uma ferida. Estima-se que entre 500 e 1,5 mil picadas sejam suficientes para matar uma pessoa sem alergias.

Imagem mostra barriga de homem com marcas de picada de abelha - Metrópoles

O paciente foi hospitalizado com dificuldade para respirar e urinar. Os médicos constataram que ele estava com taquicardia, pressão e glicose altas, além de temperatura abaixo do normal. Os exames mostraram lesões no fígado e pancreatite, o que caracteriza falência múltipla de órgãos.

O homem precisou passar por um tratamento com corticoides, anti-histamínicos e hemodiálise. Ele ficou internado por sete dias, e se recuperou totalmente em casa.