Candidatos para o serviço ‘Família Acolhedora’ devem participar de capacitação

A pré-inscrição para o curso já está aberta

155

Com o intuito de atender à demanda por lares provisórios, o Serviço Família Acolhedora está com inscrições abertas para um curso de capacitação a ser realizado nos dias 24, 25 e 26 de abril. O “Serviço Família Acolhedora”, previsto no Estatuto da Criança e do Adolescente (ECA) e ofertado pela Secretaria Municipal de Assistência Social e da Família (Semasf), trabalha com uma política municipal voltada para assegurar a proteção e individualidade de crianças e adolescentes em acolhimento institucional, oferecendo-lhes um lar temporário.

Iniciado em 2017 como projeto-piloto, o Família Acolhedora ganhou força em 2018 com a implantação da Lei 2551, de 7 de dezembro de 2018, que versa sobre o acolhimento familiar. A iniciativa visa oferecer um ambiente temporário para crianças e adolescentes vítimas de violência, retirados de seus lares e temporariamente abrigados nas unidades mantidas pela Prefeitura.

Para as pretensas famílias acolhedoras, é necessário atender a alguns critérios, entre eles a capacitação. O candidato deve atender aos requisitos, como idade acima de 21 anos (sem restrição de sexo ou estado civil); residir em Porto Velho por no mínimo dois anos; ausência de pendências judiciais ou com órgãos de garantia de direitos, e concordância de todos os membros da família.

A pré-inscrição está disponível aqui.

Após o procedimento, a equipe técnica entrará em contato para dar continuidade ao processo. Dúvidas podem ser esclarecidas pelos contatos telefônicos (69) 98473-6021 ou e-mail: [email protected].