Rondônia completa 42 anos de criação com conquistas na economia, defesa do meio ambiente e bem-estar social

63

Com evolução que impressiona e é confirmada pelos indicadores e reconhecimentos nacionais, Rondônia completa na sexta-feira (22), 42 anos de criação, conforme Lei Complementar n° 41, de 22 de dezembro de 1981. O Estado que se sobressai nacionalmente com a menor taxa de desemprego do Brasil, também avançou na defesa do meio ambiente, alcançando redução de 70% no desmatamento, e ao mesmo tempo cresce na produção sustentável de alimentos para o Brasil e o mundo.

O governador de Rondônia, Marcos Rocha destacou que, o Estado caminha para ser o melhor lugar para viver e trabalhar do Brasil. ‘‘O Governo de Rondônia está trabalhando para tornar o Estado mais próspero e melhorar a qualidade de vida da população, com diversas ações e serviços que impressionam até os outros estados, que já manifestam interesse no modelo de desenvolvimento rondoniense’’, salientou.

Os municípios rondonienses têm passado por transformações com a execução das obras de infraestrutura, reformas e revitalizações de espaços públicos. O Governo do Estado movimentou mais de R$ 15 milhões em obras da ação municipalista em 2023, deixando as cidades mais atrativas aos negócios, para viver e turismo.

EMPREGABILIDADE

Uma prática que é sucesso em Rondônia, é o impulsionamento da empregabilidade pelo Governo do Estado, com atração de novos negócios, simplificação da abertura de empresas, ampliação de crédito para os pequenos negócios, expansão da educação profissionalizante e as mudanças na tributação, com menos impostos para a população. Assim, Rondônia conquistou pelo 4ª trimestre seguido; a menor taxa de desemprego do país, no terceiro trimestre de 2023, de acordo com o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE).

SUSTENTABILIDADE

Rondônia também conquistou um feito na defesa do meio ambiente este ano, com a redução de 70% do desmatamento, conforme dados do Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (Inpe). Obteve avanço na produção de alimentos com sustentabilidade coma iniciativa do Governo de Rondônia de revitalizar lavouras que produzem mais, sem precisar expandir a área ocupada, mas usando inovação, tecnologia, melhoramento genético e boas práticas.

PRODUÇÃO DE ALIMENTOS

Com uma economia voltada à produção de alimentos, Rondônia cresceu em produtividade e qualidade, com o Valor Bruto de Produção Agropecuária (VBP), medido pelo Ministério da Agricultura e Pecuária, superior a R$ 20 bilhões.  Este ano, o Governo de Rondônia investiu mais de 200 milhões na agricultura.

Rondônia já conquistou três selos de indicação geográfica, reconhecidos pelo Instituto Nacional da Propriedade Industrial (Inpi): do café, Tambaqui e cacau. A produção de café cresceu 24,1%, de 2021 e 2022, de acordo com o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE).

O Estado de Rondônia foi o vencedor este ano do concurso “Florada Premiada”, destinado exclusivamente, às mulheres produtoras e ficou em 2° lugar no concurso Coffee of The Year 2023, desbancando mais de 170 amostras classificadas.

Rondônia também obteve o título de melhor cacau do Brasil, no 5º Concurso Nacional de Cacau Especial – Sustentabilidade e Qualidade, nas categorias Varietal e Mistura (Blend).

LIDERANÇA

É líder na produção de peixes nativos no Brasil e destaca-se na produção do Tambaqui. A costelinha do Tambaqui de Rondônia foi premiada, em Boston, nos Estados Unidos, como melhor produto de Foodservice, na Seafood Expo NorthAmerica, maior feira de pescados da América do Norte.

Rondônia também tem o maior rebanho bovino do Brasil livre de febre aftosa sem vacinação, o que demonstra um alto padrão de sanidade, uma carne preparada para os mercados internacionais mais exigentes

O Estado também conquistou o fortalecimento da segurança pública, avanços na educação, saúde; assistência social, na gestão transparente e responsável, entre diversas outras ações.

HISTÓRIA

Rondônia possui 52 municípios, e tem mais de 1,5 milhão de habitantes ( Censo 2022). A história deste Estado que prospera no Norte do país, tem seu grande momento quando o coronel Jorge Teixeira de Oliveira trabalhou na missão de transformar o então Território Federal de Rondônia, em Estado. O feito foi alcançado em 22 de dezembro de 1981.

A instalação ocorreu em 4 de janeiro de 1982, data marcada para a posse do governador, Jorge Teixeira de Oliveira, que estruturou de forma administrativa e política, o futuro Estado. O nome do Estado faz homenagem ao Marechal Cândido Mariano da Silva Rondon, responsável por tirar do isolamento a região Norte, interligando através da linha telegráfica, ao restante do Brasil.

Aos 42 anos, Rondônia mostra a sua força como um estado que gera bem-estar para a sua população e colabora ao desenvolvimento do país.