Inteligência da PF monitora fronteira em meio a aumento de tensão entre Venezuela e Guiana

Relatórios do monitoramento podem embasar eventuais decisões do presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT)

60

O setor de inteligência da Polícia Federal (PF) acompanha a situação da fronteira brasileira em meio ao aumento da tensão entre a Venezuela e a Guiana.

Os venezuelanos participaram, neste domingo (3), de um referendo e aprovaram medidas que podem resultar na anexação de parte do território da Guiana.

O monitoramento realizado pela PF vai abastecer o governo com relatórios de inteligência e pode embasar eventuais decisões do presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT).