Rondônia conquista medalhas de prata e bronze em Judô nos Jogos da Juventude 2023

0
124

Três estudantes-atletas de Rondônia protagonizaram excelentes performances na modalidade de Judô, no segundo bloco das competições dos Jogos da Juventude de 2023. Foram uma medalha de prata e duas de bronzes, com destaque para os judocas Marco Pereira, Mateus Cunha e Rarina Costa. As conquistas vieram no feriado de 7 de Setembro, dia em que se comemora a Independência do Brasil, e o evento aconteceu em Ribeirão Preto (SP).

Marco Antônio Pereira, 16 anos,  é aluno da Escola Estadual Major Guapindaia e foi o medalhista de prata, garantindo a 2ª colocação. Em 2021, o estudante fraturou o braço durante disputa na semifinal nos Jogos Escolares Brasileiros e com três meses de fisioterapia, voltou com tudo nos treinamentos e conquistou essa vitória. “Para mim é uma superação e uma felicidade enorme. É um sonho realizado e só tenho que agradecer ao apoio do Governo, que nos proporcionou passagens e hospedagens para representar Rondônia em um campeonato nacional”, destacou.

O estudante da Escola Estadual Governador Jesus Burlamaqui Hosannah, Mateus Cunha, também se destacou na mesma modalidade e garantiu a medalha de bronze. O estudante treina há oito anos e comentou que é muito importante a preparação para um campeonato. “Preparar é sempre bom, estou treinando desde do começo do ano. Vim aqui e dei o meu melhor, esse foi o resultado”, pontuou.

Segundo o coordenador de Educação Física, Arte, Cultura e Esporte Escolar da Secretaria de Estado da Educação – Seduc, Evangelista Araújo, os estudantes-atletas estrearam o segundo bloco com uma performance impecável. “Conseguimos três medalhas. Temos ainda dois dias de competições para outras categorias mais pesadas, em equipe, nas quais Rondônia vai estar disputando medalhas. Já estou muito feliz com as disputas, que mostram que continuamos entre os melhores no quadro de medalhas”, destacou.

JUDÔ FEMININO

As mulheres vêm conquistando seu lugar merecido no esporte, Rarina Costa, que também estuda na Escola Governador Jesus Burlamaqui Hosannah é um exemplo disso. Com apenas 16 anos, a praticante de Judô participa dos Jogos da Juventude pela segunda vez, e dessa vez, com um resultado melhor do que a edição anterior. “É uma sensação incrível estar participando de um campeonato como esse. A maior dificuldade foi o nervosismo porque apesar de ter treinado bastante, a tensão faz a gente esquecer o que aprendeu. Mas consegui voltar ao foco a tempo e consegui a tão sonhada medalha de bronze”, relatou.

O governador Marcos Rocha reafirmou o compromisso da gestão em proporcionar condições aos estudantes para representarem Rondônia fora do Estado. “As medalhas representam o quanto o Governo tem investido no esporte escolar e mostra que, por meio do esporte associado à educação, é possível obter ótimos resultados”, enfatizou.

BLOCOS DE COMPETIÇÕES

O segundo bloco dos Jogos da Juventude de 2023 segue até o dia 10 de setembro. A competição conta com a participação de 4 mil atletas entre 15 e 17 anos em 18 modalidades, disputadas em Ribeirão Preto e nos municípios de São Sertãozinho e Pirassununga.

As disputas são divididas em três blocos. O primeiro bloco foi nas modalidades de Atletismo, Badminton, Ciclismo, Ginástica Rítmica, Taekwondo, Wrestling; o segundo bloco é de Ginástica Artística, Judô, Tênis de Mesa, Triathlon, Voleibol; Já o terceiro bloco será de Águas Abertas, Basquete, Handebol, Esgrima, Natação, Tiro com Arco e Vôlei de Praia.