Coronel Marcos Rocha participa da Reunião Anual da Força-Tarefa dos Governadores para o Clima e Florestas, no México

169

Com a proposta de avançar nas tratativas comuns para proteção das florestas tropicais, redução do desmatamento, degradação florestal e para promoção do desenvolvimento sustentável com baixas emissões de carbono na atmosfera, o governador de Rondônia, coronel Marcos Rocha está representando o Estado na 13ª Reunião Anual da Força-Tarefa dos Governadores para o Clima e Florestas – GCF, que acontece a partir de hoje (7) até a próxima sexta-feira (10), na cidade de Mérida, no México.

A reunião se baseará no lançamento do Plano de Ação de Manaus – MAP, no Amazonas, que teve como base endossar o objetivo de reduzir o desmatamento em pelo menos 80% em relação aos níveis atuais até 2030, e terá como foco a governança integrada e troca de conhecimento e diálogos entre governadores, delegados e parceiros da Força-Tarefa.

O governador de Rondônia, coronel Marcos Rocha, pontua que a reunião “visa proporcionar oportunidade para a união e impulsionar ações de metas climáticas, florestais, das comunidades tradicionais e povos indígenas, e além disso, vamos buscar implementar os instrumentos do sistema de governança climática para que assim, Rondônia obtenha de fato, o financiamento climático, pois são recursos significativos para reduzir os impactos”.

Atualmente, o GCF é formado por 39 estados e províncias de 10 países do mundo, além de integrar a sociedade em geral, governos, instituições, povos indígenas, populações tradicionais, entre outras, para tratar sobre o assunto. No Brasil, além do Estado de Rondônia, fazem parte da Força-Tarefa os estados do Maranhão, Amapá, Tocantins, Pará, Roraima, Mato Grosso, Amazonas e Acre.