Bairro Mariana recebe força-tarefa de reforço na iluminação pública

Primeira etapa contou com aproximadamente 220 pontos de luz

71

As ruas do bairro Mariana, zona Leste de Porto Velho, ganharam reforço na iluminação pública. O novo cenário é fruto da força-tarefa executada pela Empresa de Desenvolvimento Urbano (Emdur) no último fim de semana. Esta é a primeira etapa da operação que contou com a estimativa de 220 pontos de luz devidamente acesos.

Ezequiel Rodrigues é morador do bairro Mariana e apontou melhorias

A operação foi planejada, estrategicamente, para dar celeridade aos trabalhos em bairros que possuem quantidade expressiva de pontos de luz apagados em decorrência das fortes chuvas. Segundo o presidente da Emdur, Gustavo Beltrame, o período do inverno amazônico dificulta os trabalhos das equipes, mas a pasta segue empenhada nas melhorias dos serviços.

“Por determinação do prefeito Hildon Chaves fizemos esta ação no bairro Mariana, que tinha alguns pontos de luz apagados devido às fortes chuvas. Esse cenário torna inviável o trabalho de nossas equipes. Afinal, chuva e eletricidade não combinam. Fizemos a marcação dos postes no decorrer da semana, com a parceria dos líderes do bairro e estamos empenhados para deixar o bairro cem por cento iluminado”, declarou Beltrame.

A força tarefa contou com a atuação de sete equipes, 14 eletricistas, além da equipe de apoio. Os trabalhos iniciaram ainda no período da tarde, às 14h, e foram estendidos até às 21h, resultando em 29 ruas contempladas. O propósito é que todas as ruas estejam iluminadas até a conclusão da segunda etapa, prevista para acontecer no próximo sábado (9).

RECONHECIMENTO

Ezequiel Rodrigues é morador do bairro Mariana há 30 anos. De longe, ele observou a atuação das equipes da Emdur e considerou a operação positiva. “Uma ótima iniciativa, ainda mais agora que temos asfalto. Do tempo que eu moro aqui, o cenário melhorou muito. Antes era lama e escuridão. Dificultava até a ação da polícia por aqui. Agora está diferente, temos um bairro bem mais valorizado”, observou Ezequiel.