Mudas de plantas nativas vão ser distribuídas a produtores rurais de Rondônia para recuperar áreas degradadas

109

Com o objetivo de promover a arborização das cidades rondonienses e recuperação de Areas de Proteção Permanente (APP), a Secretaria de Estado de Desenvolvimento Ambiental (Sedam) vai distribuir 1757 mudas de plantas nativas, por meio do Projeto “Plante Castanha do Brasil”, do Governo de Rondônia, a produtores rurais do Estado. As mudas foram doadas como compensação ambiental, por uma concessionária de  distribuição de energia que atua no Estado.

As plantas vão ser distribuidas pela Coordenadoria de Desenvolvimento Florestal (Codef) da Sedam, inicialmente aos pequenos agricultores do Estado para recuperar áreas degradas, ao mesmo tempo em que gera renda com a extração do fruto. Posteriormente vão ser doadas aos produtores rurais de Porto Velho e distritos.

“Este trabalho de doação de mudas é uma ação importante da Sedam, na qual trabalharmos juntos para preservar e recuperar áreas degradas em todo Estado e assim poder transformar o meio ambiente por ações sociais que a secretaria possa realizar”, pontou o secretário-adjunto da Sedam, Demargli Farias.

O adjunto da Sedam destacou ainda que a concessionária em três anos já contribuiu para o reflorestamento de 14,5 hectares de APPs em Alvorada do Oeste, São Miguel do Guaporé e Seringueiras, além de seis mil mudas frutíferas para comunidade.

A Compensação é uma forma legal que as empresas podem retornar e minimizar os impactos que podem ser causados no ambiente, por meio de ações em que se utilize algum recurso ambiental, sendo essa atividade considerada de alguma forma potencialmente poluidora ou capaz de degradar o meio ambiente.