EMPREENDEDORISMO | Feira da Mulher Empreendedora gera receita e independência financeira

Evento ajuda a fomentar o empreendedorismo feminino e ainda realiza serviços sociais

60

Mais de 130 mulheres, todas proprietárias de pequenos negócios, montaram barracas para vender os seus produtos em mais uma edição da Feira da Mulher Empreendedora, evento promovido pela Prefeitura de Porto Velho. Os estandes foram montados no sábado (31), no pátio da Paróquia São José Operário, na avenida Campos Sales, bairro Conceição.

O evento é um grande aliado para mulheres que precisam reforçar a renda familiar e que estão em algum tipo de vulnerabilidade.

Segundo Claudi Rocha, secretário municipal de Assistência Social e da Família (Semasf), com esta iniciativa a gestão municipal contribui para despertar o espírito empreendedor das mulheres. “Elas se refizeram durante a pandemia. Temos mulheres que começaram a sustentar as suas famílias a partir de uma pequena oportunidade, após participar de cursos promovidos pela prefeitura e parceiros em seus bairros”, disse.

EMPENHO

Gina de Brito, diretora do Departamento de Políticas Públicas para Mulheres (DPPM) da Semasf, explica que as feiras retornaram a todo vapor. Agora, 80 barracas foram montadas pelas empreendedoras do sexo feminino. Nelas foram oferecidos artesanatos, acessórios, comidas, confecções e produtos de jardinagem, entre outros.

O evento também contou com serviços de assistência social (orientações jurídicas e psicológicas e práticas integradas e complementares em saúde) e emissão do Cadastro Único para Programas Sociais do Governo Federal.

PARTICIPAÇÃO 

Identidade e valorização cultural é a proposta da empreendedora Isabele Fernandes Morgado que participou pela primeira vez da Feira. Ela, junto de sua sócia, criou um novo negócio focado em camisetas características da região amazônica, O Boto Store. “É o nosso projeto-piloto. Estamos em fase de validação e aceitação pelo público”, explicou a expositora.

PARCEIROS

A Feira tem apoio da Fundação Cultural de Porto Velho (Funcultural), Secretaria Municipal de Saúde (Semusa), Secretaria Municipal de Indústria, Comércio, Turismo e Trabalho (Semdestur) e da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB-RO).