Freios ABS: saiba tudo sobre o sistema que pode salvar sua vida 

125

Já falei tanto sobre freios que demorou para alguém me perguntar sobre o ABS. Agora que aconteceu, vamos lá esclarecer. 

ABS é abreviação de “anti-lock braking system”, ou sistema anti-travamento de rodas. É um sistema de apoio para o sistema de freios tradicional, que impede que as rodas travem em uma frenagem brusca ou em pista escorregadia, evitando que o seu carro derrape, perdendo a dirigibilidade (caso as rodas da frente travem) e/ou a estabilidade (no caso do travamento das rodas traseiras).

A ideia principal é te dar mais margem para desviar do obstáculo enquanto freia o carro. Para isso, ganha o acréscimo de uma série de componentes eletrônicos no sistema de frenagem.

Basicamente, você tem um sensor de velocidade em cada roda do carro que permite ao módulo identificar se alguma delas está na iminência de travar durante a frenagem, o que indica possível derrapagem. A partir daí, o módulo do ABS faz uso de eletroválvulas para dosar a pressão do fluído de freio na roda travada (ou em todas as rodas, se for necessário) para fazer você parar com maior eficiência.

Na prática, o que acontece é que você pisa no freio apavorado, gerando muita pressão no sistema hidráulico, e o ABS modula essa pressão: acrescentando, mantendo ou reduzindo. Tudo isso várias vezes por segundo, independentemente em cada roda, mesmo que você continue com o pé no pedal.

Em alguns carros, você pode sentir o pedal do freio trepidar enquanto o ABS está operando, justamente por causa desse ajuste de pressão que o sistema está fazendo.

Uma coisa muito importante é prestar atenção na luz do ABS no painel. Quando você liga a ignição do carro, ela tem que acender e precisa apagar depois da partida. Assim você sabe que tudo está normal.

É comum a luz piscar no painel quando o ABS está funcionando também, mas para saber mais sobre o comportamento do alerta você precisa ler o manual do seu carro. Agora, se ela acende e não apaga mais enquanto o carro está ligado, é um sinal de defeito e você precisa ir para a oficina.

O fato de a luz estar acesa indica alguma avaria no sistema, mecânica ou elétrica. Neste caso, o freio convencional continua operante, porém sem a assistência do ABS.

O fato de a luz estar acesa indica alguma avaria no sistema, mecânica ou elétrica. Neste caso, o freio convencional continua operante, porém sem a assistência do ABS.

Segundo Sergio Santos, instrutor da oficina da MTE-Thomson, defeitos comuns no sistema ABS estão relacionados aos sensores e à roda fônica, que fica na capa do rolamento da roda. Ele também comenta sobre oxidação de terminais, mau contatos ou curto-circuitos, mas, como dito anteriormente, todo o sistema de freios precisa de uma avaliação, não apenas os componentes eletrônicos.

Claro que, como sempre, a manutenção preventiva é sempre o caminho mais assertivo, mas acidentes acontecem e componentes podem ser danificados se você cair em um mega buraco, por exemplo.

Quer mais informações sobre o ABS ou tem dúvidas sobre outros assuntos? Deixe para mim aqui nos comentários.